Posts Recentes

5 de setembro de 2013

Sobre o jogo da moda no Brasil e/ou no mundo


É comum que prestemos mais atenção nas premiações internacionais, não é? Pelo menos eu sou assim. Fui parar para pensar e deve ser porque raramente têm looks que me cativam em eventos nacionais. E isso com toda a utilização de grifes estrangeiras, viu? O que é triste, já que temos tantos estilistas e designs maravilhosos. Mas que só conseguem o devido reconhecimento quando começam uma carreira internacional e/ou mendigam suas criações para os famosos com maior exposição usem (todo mundo precisa de dinheiro). Também vem do fato de que o brasileiro, no geral, dá muito valor às coisas de fora. E ainda por conta das premiações não terem um porte tão grande, talvez sejam de menos alcance e com menor importância ou ruins e chatas mesmo. Não sei bem. Talvez seja tudo isso, ou eu que estou vendo cabelo em ovo.  Enfim, a moda brasileira é incrível, prova disso é o São Paulo Fashion Week que é umas maiores e mais importantes do mundo, a House Of Mother Joana, que eu amo e está no auge do sucesso no mundo todo etc etc!

É óbvio que aparecem muitas produções bizarras ou até mesmo equivocadas em todo lugar, em todo evento, desde os maiores aos churrascos de família. Ah quem dera que o mau-gosto existisse apenas em um continente... Mas eu falo de ousadia boa, não de aparecer com um tecido mequetrefe quase nua, mas com um belo mix de estampa, uma produção super inesperada que deu muito certo, algo que faz um coração fashionista chorar e saltitar de alegria,sabe? É disso que eu sinto falta em produções tupiniquins.

Voltando ao fato de que nos eventos da vida real (porque na dramaturgia as personagens arrasam. Beijo grande nas figurinistas maravilhosas), dificilmente existem muitas vantagens e coisas que valem a pena filtrar... Salvo por exemplo alguns bailes de gala -Alô! É permitido estar bem vestido em ocasiões menos glamorosas.
No Criança Esperança: Eu corro longe dazamigas com aqueles modelitos, a única que valeu a pena foi a sempre ótima Fernanda Lima. Normalmente é assim: as lindas(acharam o Stylist certo e fizeram pacto de sangue) estão sempre lindas e as cafonas(fuja desse monstro que te veste) repetidamente pavorosas. 



Só que o jogo da moda está sempre mudando e com essa revolução/democratização fashion, Stylists e gurus dignos de hollywood porém brasileiros estão surgindo para salvar as produções das nossas famosas que têm ace$$o ao melhor mas sem o mesmo nível de bom-gosto e fashionismo. 

Vamos aguardar e acreditar!

Laters.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião e volte sempre. Laters

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...